Candidata à Miss Mundo usa traje inspirado na Imperatriz Leopoldina

Há mais ou menos 2 meses atrás, Sabrina Pero Maciel, uma de nossas leitoras de Rio Brilhante-MS, entrou em contato conosco, através do grupo Dinastia Tudor. Ela nos informou que a modelo, Gabriely Paliga (antiga Miss Mato Grosso do Sul), estaria competindo pela faixa de Miss Brasil Mundo, após ter recebido a faixa de Miss Águas de Bonito, em maio deste ano.

Captura de Tela 2017-08-11 às 19.36.50.png
Imperatriz Leopoldina

Foi então que ambas começaram a se preparar para as provas do concurso, visando o vestido de gala, traje de banho, roupas para o dia a dia e etc. No mês de Junho, foi anunciada uma prova de fantasia e criatividade, cujo objetivo era representar uma figura histórica e/ou literária que a miss mais se identificasse ou apreciasse. Sabrina e Gabriely desconfiaram que, o caminho natural para muitas outras participantes, seria escolher personagens literárias famosas, como Iracema, Capitu e Emília. Foi então que, elas buscaram seguir por um caminho um tanto inusitado. Uma vez que ambas apreciam história, e Sabrina havia lido recentemente o livro ”O Sangue e a Carne”, da historiadora Mary del Priore, foi decidido que a Imperatriz Leopoldina seria a personagem ideal para a fantasia da modelo Gabriely.

Captura de Tela 2017-08-11 às 19.23.46.png
A prova do vestido.

Com a personagem escolhida, eis que surgiu uma questão: qual modelo de vestido seria usado? Qual seria sua cor e ornamentos?
Tudo tinha que ser pensado nos mínimos detalhes, e eis que Sabrina resolve realizar um post no grupo Dinastia Tudor, em busca de algumas sugestões históricas sobre a indumentária feminina utilizada no Brasil Império.
Ao receber a mensagem, resolvi pedir ajuda ao autor e pesquisador, Paulo Rezzutti, a quem eu havia convidado a participar do grupo tempos atrás, e o mesmo, gentilmente forneceu o auxílio necessário para estas duas mulheres.
Paulo é autor de 4 best-sellers biográficos no Brasil, Titília e Demonão‘ e ‘Domitila‘ – ambos pela editora Geração -, além de ‘D. Pedro, a História não contada‘ e ‘D. Leopoldina, a História não contada‘ – estes dois últimos, pela editora Leya.

 

download.jpeg
Livro sobre D. Leopoldina, escrito pelo pesquisador brasileiro, Paulo Rezzutti.

Com o modelo do vestido e todos seus pormenores escolhidos, Sabrina nos enviou uma foto demonstrativa de como o mesmo ficaria, a fim de certificar-se de que estava seguindo no caminho correto, prestando as devidas honras para a Imperatriz. Elas também não queriam fazer feio no concurso, ou exagerar na fantasia, perdendo a essência de Leopoldina.

No dia 08, a modelo Grabriely embarcou rumo à Angra dos Reis e ontem, dia 10 de Agosto de 2017, ela competiu com o traje escolhido, um vestido rosa de cintura alta, com detalhes em dourado e luvas e faixa improvisadas, uma vez que as encomendadas não haviam sido terminadas a tempo. O resultado ficou belíssimo e pode ser visto abaixo.

Ficamos muito felizes com esta belíssima homenagem feita à Imperatriz, e torcemos para que a Gabi tenha um bom resultado no Miss Brasil Mundo, e quem sabe, até receba a coroa!

Imagens (clique para ampliar):

 



Aos interessados em D. Leopoldina, nossa loja parceira, Little Pink, confeccionou uma belíssima coleção de canecas inspiradas nas rainhas trágicas da história, entre elas, nossa amada imperatriz. Confiram:

 

A caneca, marcador ou necessaire, podem ser adquiridas através da loja Little Pink, clicando aqui. Participe também do nosso sorteio, a fim de concorrer a uma caneca da Imperatriz (aqui)!

separador

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s