O mistério dos príncipes na Torre de Londres

Imagem

Os Príncipes na Torre, é um título usado para designar o jovem Rei da Inglaterra Eduardo V e seu irmão, Ricardo de Shrewsbury, Duque de York. Ambos eram filhos de Eduardo IV e Elizabeth Woodville.

O casamento de seu pais gerou uma controvérsia na Inglaterra, uma vez que Eduardo IV, havia casado-se por amor com uma plebéia, ao invés de desposar uma princesa francesa, conforme era previsto. Além do mais, a jovem era viúva e possuía dois filhos.

Eduardo IV, o pai do jovens príncipes, morreu no dia 9 de abril de 1483, e seu filho, o jovem Eduardo, com apenas 12 anos, tornou-se rei da Inglaterra como Eduardo V.  Antes de morrer, o pai dos meninos deixou seu irmão Ricardo de Gloucester, encarregado do Conselho de Regência, nomeando-o Lord Protetor. O jovem Eduardo, segundo dizem, era muito apegado a seu protetor anterior, Thomas Woodville – Lord Rivers e irmão de sua mãe. A família materna do novo rei, os Woodville, eram considerados ambiciosos e sedentos por poder. Diante destes feitos, Ricardo assumiu a liderança no grupo anti-Woodville e por possuir o controle como Lord Protetor, capturou o jovem rei que havia refugiado-se entre as mãos de seu tio materno, Thomas Woodville. Obtendo sua custodia, ele prendeu-o Torre de Londres junto com seu irmão Ricardo, Duque de York, de apenas 9 anos. Imediatamente, Ricardo alegou que era o legítimo herdeiro ao trono. Ele não demonstrou escrúpulos para conseguir atingir sua grande meta, declarando que os filhos de seu irmão eram bastardos e que Eduardo IV, antes de casar-se com Elizabeth Woodville, havia feito um contrato matrimonial com Eleanor Talbot fazendo-o dele um bígamo. O Parlamento da Inglaterra, corroborou tal versão, declarando os meninos, conhecidos como ”os Príncipes na Torre” como bastardos e coroando Ricardo, como, Ricardo III, Rei da Inglaterra.Princes in Tower
Nada mais soube-se sobre os jovens príncipes, uma vez que foi proibido que todos mantivessem contato com eles.

O povo rapidamente, começaria a suspeitar que os príncipes, na realidade foram assassinados por asfixia pelo agora Rei, Ricardo III. Desde então, surgiram infinidades de lendas sobre o verdadeiro destino dos jovens “Príncipes na Torre”.

Alguns supõem, que Ricardo III não ordenou suas mortes, ele apenas os escondeu pelo resto de suas vidas; enquanto que para outros, não havia nenhuma dúvida de que foram vitimados por seu tio – hipótese reforçada por um feito ocorrido séculos mais tarde.

Graças ao personagem recriado por William Shakespeare, em “Richard III”, a mensagem que nos transmite é de um homem desprezível, sem escrúpulos, capaz de tudo pelo poder, levando a assassinar seus próprios sobrinhos. Há quem afirme que ele não teve nada a ver com tais horripilantes feitos, inclusive criaram uma organização de âmbito internacional dedicada a defender a inocência de Rei Ricardo (Richard III Society).

Também não podemos descartar, a possibilidade de que o próprio fundador da Dinastia Tudor, Henrique VII e sua mãe, a piedosa Margaret Beaufort podem ter tido relação com o desaparecimento dos príncipes, sendo que a própria Margaret pode ter sido responsável por maquinar o plano. A mãe de Henrique VII sempre lutou para que seu filho obtivesse a coroa e não mediria esforços para concluir seu objetivo. Ela também conseguiu o matrimônio entre seu filho e Elizabeth de York, irmã dos jovem príncipes. Finalmente, Henrique VII venceu Ricardo III na Batalha de Bosworth, proclamando-se o novo Rei da Inglaterra.

O certo, é que os historiadores não sabem se eles realmente foram assassinados. Talvez os príncipes não tenham morrido, apenas tenham sido levados da torre pelos inimigos de Ricardo. Outros afirmam que foram sequestrados e trancados em um calabouço em 1483, e que foram prisioneiros em vários castelos ingleses até por fim, serem assassinados. Cabe também a possibilidade de que tenham sido levados da Inglaterra graças à ajuda de sua tia Margaret de York (esposa de Charles, o temerário e irmã de Eduardo IV) que os levou para viver nos Países Baixos. Segundo dizem, o pobre Eduardo havia sido morto, mas o príncipe Ricardo havia chegado a idade adulta e com a ajuda de várias casas reais européias, lutou em uma importante rebelião contra Henrique VII. Logo, há quem afirme que este jovem, não era nada mais que um impostor, chamado Perkin Warbeck. Nunca saberemos ao certo.

Logicamente, não podemos esquecer que em 1674, durante o reinado de Charles II (1660-1685), trabalhadores descobriram os corpos de dois meninos na Torre de Londres. Os ingleses acreditaram, que eram os corpos dos príncipes e lhes deram um enterro real. Os ossos foram colocados em uma urna de mármore e levados para a Abadia de Westminster. Por outro lado, temos que levar em conta que outros esqueletos infantis já foram encontrados na torre, inclusive um deles data da idade da pedra. A verdade é que nunca fizeram nenhum exame de DNA nestes ossos e carecemos de provas que nos permitam assegurar-nos de que de fato, se tratam dos restos mortais dos príncipes da Casa de York.

Fontes:
Traduzido do artigo original: El misterio de los Príncipes de la Torre de Londres do site Los Líos de la Corte.

james northcote princes in the tower

Anúncios

5 comentários Adicione o seu

  1. Rayssa disse:

    Eu realmente acho que Ricardo III estava por trás da morte dos meninos (até expliquei essa história para minha mãe quando a noticia do esqueleto achado de Ricardo apareceu no jornal rs) porque eles eram apenas um estorvo para ele. Talvez ele não quissesse tomar uma atitude tão drástica, mas seus alidos podem tê-lo persuadido á isso. De qualquer forma não acho que eles sobreviveram á idade adulta, deve-se levar em conta possíveis doenças ou até mesmo fome. Mesmo que fosse concluído que os restos mortais dos infantes fossem realmente dos príncipes, o maior mistério ainda permaneceria: Como eles morreram?

    1. tudorbrasil disse:

      Realmente, eu acho que Ricardo foi a pessoa com maiores motivos para fazê-lo, afinal como você disse, os príncipes eram apenas um estorvo para ele…
      Quanto a hipótese deles terem morrido asfixiados, eu acho bastante plausível!
      Mas uma coisa é fato, ainda será um mistério!

  2. MARIA APARECIDA DA FONSECA disse:

    eu acho que o príncipe RICARDO sobreviveu,mais o reizinho EDUARDO morreu,e o herdeiro do fazedor de reis WARWICK,foi o responsável pela morte,agora resta a questão a mando de quem.pq eles eram vira casaca e quem teria ordenado tanto pode ser o rei RICARDO lll,como a família BEAUFORT,a morte deles serviria para o proposito de ambos.agora a rainha ELIZABETH,não mandaria um segundo filho para a torre,ela era ardilosa e mandou para a BRETANHA.até pq eles tinham ancestrais nobres na FRANÇA e BRETANHA.

    1. tudorbrasil disse:

      É um tanto controverso né Maria Aparecida da Fonseca!?
      Hoje em dia, eu tenho uma opinião diferente, acredito que tanto Ricardo quanto Henrique, teriam motivos para fazê-lo, mas não sei, ainda acredito que entre os dois, quem ganharia mais e sem dúvida possuía mais sangue frio foi Ricardo!
      Obrigada por comentar, volte sempre!=)

  3. Beatriz Maria disse:

    Eu acredito que Ricardo não teria motivos para matar os sobrinhos, alem de ainda serem crianças Ricardo os fez ilegítimos e ele enfrentando muitas rebeliões não precisava de mais escândalos. Para mim o Duque de Buckingham tinha muito mais motivos pra faze-lo ele após ter se revoltado contra Ricardo poderia ter matado os garotos ele tambem era descendente de Eduardo III,Talvez tinha pretenções ao trono.
    Outra coisa Ricardo não tinha filhos, eu acredito que ela queria seus sobrinhos vivos, pois quando a sua morte chegasse ele teria quem assumir o trono.
    É so uma opinião mas sempre vou acreditar na inocência dele até que prove o contrário…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s